Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, maio 22, 2009

ASSEDIO MORAL URGENTE

















Senhoras e senhores,

Novamente, o assunto é assédio moral na Prefeitura de Goiânia. Quem não se lembra do cidadão, funcionario do SMT que denunciou a quebra de multas? Nilson Domingues é o nome dele. Pois bem, o decreto de exoneração dele está lado a lado com o do Junio Eder de Souza.

O que ambos têem em comum? Ambos tiveram a coragem de denunciar os desmandos e perseguições contra servidores da Prefeitura de Goiânia.
O incrivel no caso do Nilson é que ficou provado que o chefão havia fraudado o talão de multas.


Em anexo segue a cópia da página 04 do DOM Nº 4.604 de 05/05/09, bem como uma foto do Junio Eder na porta da Câmara Municipal pedindo ajuda.


Junio Eder precisa de ajuda financeira, até mesmo para pagar o advogado, pois, por ser servidor concursado, sendo demitido sumariamente, como é o caso, não tem direito a acerto, FGTS e nem nada, caso possam colaborar, podem depositar qualquer quantia na seguinte conta corrente:

JUNIO EDER SOUSA
AGENCIA 3482-7 CONTA CORENTE 14203-4
BANCO DO BRASIL

E se possivel divulguem!

Um comentário:

danilo cesar disse...

o assedio moral e algo muito grave na administraçao do sr iris resende pois estou me recordando do coronelismo ha tantos anos sufocou o pais, no caso do companheiro junior eder fico sem palavras e a guarda nao cresce e se une por medo de colocar a cara a tapa como colocou o guerreiro mts olham somente para si nao recordandam que se meros guardas por lutadores como o junio eder a imprensa tem que saber o povo nessecita saber e ajustiça precisa atuar juntos somos fortes !!!!!!!!!!!!!!!