Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, agosto 29, 2007

ANIVERSÁRIO, QUEM SE IMPORTA COM CULTURA?

Na edição de hoje do JORNAL NACIONAL, o principal comentário foi sobre sensação do brasileiro, uma vez estabelecido que os 40 mensaleiros deverão ir a julgamento, que o longo e lerdo braço da Dona Justa é capaz de alcançar até mesmo os ratos palacianos.

Mas, será que é verdade? Acreditem se puderem, mas em Goiânia, a Dona Justa não se preocupa em alcançar nada. Já explico!

No dia 08 de junho de 2006 a seguinte sentença foi proferida pelo Dr. Fabiano A. de Aragão Fernandes, juiz de direito " ... POSTO ISSO, PELA MOTIVACAO SUPRADITA E COMUNGANDO DO PARECER MINISTERIAL, CONCEDO A SEGURANCA PLEITEADA, INVALIDANDO OS EFEITOS DA CONFERENCIA REALIZADA NOS DIAS 11 E 12 DE OUTUBRO DE 2005 E ANULANDO O EDITAL N. 05/2005. E O VEREDICTO. CUSTAS NA FORMA DA L EI. SEM HONORARIOS (SUMULAS 105 STJ E 512 STF.) GOIANIA, 08 DE JUNHO DE 2006. DR. FABIANO A DE ARAGAO FERNANDES. JUIZ DE DIREITO. "
Bom não é? É nada!Ou melhor, seria, se tivesse algum efeito prático.
A Conferência só foi divulgada entre os amigos do Rei e claro qual o Governo que não faria o mesmo? De uma idéia simples assim, surgiu o dito cujo "mensalão". É o estilo "é dando que se recebe". Desta maneira, até o mais crítico dos escritores e os mercadores das artes se deixam convencer de qualquer coisa. Ou pelo menos fingem.
Claro foi o parecer ministerial - do Ministério Público - e clara foi também a sentença do juiz, em primeira instância, mas, de novo, o danado do masssssss ... lá se foi o processo para a decisão de segunda instância. Ou seja, três doutores da lei, confirmarão ou não, a sentença do juiz.
E é ai que entra a palavra ANIVERSÁRIO. Pois é.Desde o dia 29 de agosto de 2006 o processo aguarda a preciosa e decisiva palavra dos três doutores da Lei em Goiânia.
É impressionante, mas durante um ano o nobre relator Des. Zacarias Neves Coelho, da 2ª Camara Cível, ainda não conseguiu colocar na pauta de julgamento processo de Nº 200602567151 (13881-9/195) que de interesse da coletividade. Quem sabe, ao término da democrática gestão do PMDB frente a Prefeitura de Goiânia, entre na pauta para arquivamento?
É interessante que se discuta tanto hoje a democracia no Estado contemporâneo e o papel do judiciário.
Esperança de justiça no Brasil é pura teimosia.
Se querem saber mais leiam o blog http://www.entreatos.blogspot.com/ .

Nenhum comentário: