Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, outubro 16, 2009

CONSELHO MUNICIPAL DE CULTURA 3

Na votação da lista tríplice para o CMC, 10 instituições foram desclassificadas, a alegação foi a falta de documentos. Será? Duvido. O truque é velho, tendo em vista que no ato de credenciamento nenhum recibo é oferecido para quem se credencia, e ai fica a palavra de um contra a do outro.

Nem é preciso comentar o resultado final, basta ler a lista atentamente, e nas entrelinhas verificar as relações de parentesco, de compadrio e de amor fraterno entre as partes.

Entidades indicam listas tríplices para o Conselho Municipal de Cultura

No encerramento da Conferência Municipal de Cultura de Goiânia, na quarta-feira à tarde, representantes da classe artística da cidade indicaram seus representantes em lista tríplice que vai agora ao prefeito Iris Rezende para a nomeação do Conselho Municipal de Cultura. O conselho, que tem a função consultiva nas políticas culturais da cidade, é composto por 14 membros, sendo sete indicados por entidades do setor e a outra metade pelo próprio Executivo. A posse do novo conselho está prevista para janeiro de 2010 e não há data definida para a nomeação.

Distribuídos por sete áreas, a lista contempla os três mais votados e foi apontada por 23 entidades culturais cadastradas na Secretaria Municipal de Cultura (Secult). A expectativa dos militantes da área artística é de que o prefeito nomeie os mais votados (confira lista ao lado). O prefeito Iris Rezende costuma ouvir o titular da pasta, Kleber Adorno, nas questões da área, mas, ao final da votação, Adorno disse ao POPULAR que não vai “influir na escolha dos novos integrantes do conselho”. “A escolha ficou muito boa, acho que qualquer desses que for escolhido pelo prefeito estará bem escolhido, não vou orientar essa indicação. Meu desejo é apenas encaminhar a lista ao prefeito”, afirmou o secretário. No caso de empate na votação, o critério de desempate é a idade maior dos indicados, mesmo critério previsto pelo Ministério da Cultura (MinC) para a indicação de delegados nas conferências municipais e estaduais (visando à conferência nacional, em março de 2010).

Nos bastidores da votação, representantes de entidades culturais lamentavam o que consideraram “uma derrota das entidades”. “Não conseguimos articular uma lista comum e representativa das entidades”, disse um dos participantes do processo. Um dos motivos dessa “derrota” das entidades na votação, segundo eles, foi a desclassificação de dez instituições do processo eleitoral por falta de documentação. (Edson Wander)

Os indicados
Confira os mais votados ao Conselho Municipal de Cultura

ARTES PLÁSTICAS/VISUAIS
Maria Filomena G. Gouveia – 7 votos
Angelos Ktenas – 6 votos
Nelson Santos – 5 votos

LITERATURA/BIBLIOTECA
Brasigóis Felício Carneiro – 9 votos - funcionário da SECULT
Albertina Vicentini – 7 votos
José Ubirajara Galli Vieira – 6 votos - cargo comissionado SECULT

HUMANIDADES/ABRANGÊNCIA CULTURAL
Valdir Mendonça Alves – 7 votos
Heloisa Selma Fernandes Capel – 6 votos
Décio Coutinho – 6 votos

MÚSICA
Márcio Mário da Paixão Júnior – 9 votos
Bel Maia – 7 votos
Glacy Antunes – 5 votos

ARTES CÊNICAS
Miguel Jorge – 9 votos
Constantino Isidoro – 7 votos
Marley de Freitas – 2 votos

CINEMA, ÁUDIO E VÍDEO
Marley Regina Costa Leite – 11 votos - cargo comissionado SECULT
Amarildo Pessoa – 6 votos -
Miguel Jorge – 2 votos

TERCEIRO SETOR DE AÇÃO AMPLA E INSTITUIÇÕES CULTURAIS
Leo Pereira – 8 votos
Reginaldo Aires da Silva - 8 votos
Aidenor Aires – 5 votos

Fonte: Jornal O POPULAR 16/10/09 - CADERNO MAGAZINE
Aproveitem para ler o jornal na internet, depois de uma invasão, segundo nota na primeira página do jornal, "ações mal intencionadas de terceiros, que podem ter causado vulnerabilidades nos computadores dos usuários", está liberado para leitura.

2 comentários:

Anônimo disse...

Ubirajara Galli nao eh funcionario da Secult e Marley Costa Leite teve seu trabalho reconhecido e foi votada, inclusive, pela Feteg.

Deolinda disse...

Ao contrário do que o anônimo comentarista afirma, Ubirajara Galli é servidor da SECULT sim, e tem o número de matricula 685461-2.
"PREFEITURA DE GOIÂNIA
GABINETE DO PREFEITO
DECRETO Nº 2540, DE 04 DE JUNHO DE 2009.
O PREFEITO DE GOIÂNIA, no uso de suas atribuições legais e à vista do
contido no Processo nº 3.741.566-9/2009, RESOLVE colocar os servidores abaixo
relacionados, lotados na Secretaria Municipal de Cultura e Secretaria Municipal de
Administração e Recursos Humanos, respectivamente, à disposição do Instituto Cultural José
Mendonça Teles, com todos os direitos e vantagens de seu cargo e com ônus para a origem,
a partir das datas especificadas e até 31 de dezembro de 2009:
NOME MATRÍCULA A PARTIR DE
JOSÉ UBIRAJARA GALLI VIEIRA 685461-2 01/01/2009
POLLYANNA VERÔNICA DE ANDRADE E SILVA 962430-1 08/04/2009
GABINETE DO PREFEITO DE GOIÂNIA, aos 04 dias do mês
de junho de 2009.
IRIS REZENDE
Prefeito de Goiânia
Certifico que a 1ª via foi assinada pelo Prefeito
JAIRO DA CUNHA BASTOS
Gabinete de Expediente e Despachos
MAURO MIRANDA SOARES
Secretário do Governo Municipal"
A informação consta na página da Prefeitura e viva a Lei que obriga a TRANSPARÊNCIA, no seguinte link http://www.goiania.go.gov.br/html/gabinete_civil/sileg/dados/legis/decreto/2009/decreto25402009.pdf.
Quanto a cidadã Marley Costa Leite, sendo ela cargo comissionado, JAMAIS poderia se candidatar para representar a sociedade civil, visto que não será a sociedade civil que representará pelo evidente conflito de interesses.